quinta-feira, 3 de janeiro de 2008

Danco Island


Fotografia: Students-on-ice.

2 de Janeiro de 2008

Hoje o dia começou muito cedo. Levantámo-nos as 6h da manhã e, antes de tomar o pequeno-almoço, fomos a terra, a Danco Island. Assim que chegamos, avistamos uma foca elefante que apesar de juvenil era enorme, deitada a beira da água.


Quando todos chegaram, começámos a subir uma montanha. Foi uma escalada difícil, mas todos conseguimos alcançar a meta. A sensação que todos tivemos, ao chegar ao topo, e indescritível. E, mais indescritível ainda, foi a sensação que tivemos quando fechamos os olhos e fizemos um minuto de silencio.



Fotografia: Students-on-ice.

Os pinguins acompanharam-nos na subida e na descida. Tivemos a oportunidade de, tal como os pinguins, deslizar na neve, deixando-nos escorregar glaciar abaixo.


Fotografia: Students-on-ice.

Assim que todos chegamos novamente à praia, voltamos para o barco para tomar o pequeno-almoco. Hmm... soube mesmo bem recuperar energias.



Fotografia: Students-on-ice.

De seguida voltámos a pisar o continente Antárctico, em Neko Harbor. Este foi o local que mais me agradou visitar, aqui, tivemos a oportunidade de participar em workshops sobre aspectos geológicos do local, gelo e glaciares e ainda recolhemos amostras de organismos das águas antárcticas que pudemos observar mais tarde ao microscópio.


Tivemos ainda a oportunidade de observar focas, pinguins e skuas convivendo com a natureza de uma forma exclusiva.



Fotografia: Students-on-ice.

Pela tarde, assistimos a uma palestra, “Climate Change and Ice Cores”. Nesta palestra fomos confrontados com alguns pontos de vista sobre o assunto. Por entre muitas certezas que existem, a grande conclusão a que todos podemos chegar é que ainda temos um longo caminho a percorrer para garantir que locais como estes, tão fundamentais para o nosso planeta, permaneçam intactos.


Tínhamos planeado um cruzeiro, a Paradise Bay, nos pequenos botes de borracha que utilizamos para ir a terra, mas, devido ao mau tempo, não foi possível cumprir o plano. No entanto, a palavra-chave para toda esta expedição, diz o Geoff, é a flexibilidade, assim sendo passamos para o plano B e fizemos um maravilhoso cruzeiro em Paradise Bay no nosso navio, o que foi mais uma experiência única. Todos vestiram as suas roupas quentinhas e foram para o exterior do navio, apreciando a paisagem e aproveitando para brincar com os flocos de neve que caiam com grande intensidade.


Mesmo com as mãos geladas e o nariz encarnado, todos se divertiram imenso e absorveram este momento único na nossa viagem.


Tivemos ainda tempo, antes de jantar, para assistir a uma palestra que nos elucidava sobre as dificuldades e ao mesmo tempo a alegria imensa que e fazer investigação cientifica subaquática em condições de inverno tão severas como aquelas que se encontram na Antárctica.


Acabamos o dia a visualizar um filme que retrata a expedição antárctica de Sir Ernest Shackleton, no qual participou um dos membros da equipa Students On Ice, Alex Taylor.


Estou ansiosa pelo dia de amanha pois tenho a certeza que vai ser tão ou mais emocionante como todos estes que temos vivido ate agora.

Irina Boteta

7 comentários:

dannyel disse...

Emocionante a forma como descrevem o que vivem... deixa-me tao entusiasmado tal como se tb o estivesse a viver.. Aguardo com impaçiencia todo o reportorio de historias fantasticas que todos devem ter para contar.. Continuem Antarcticos!! ;) Bj enorme mana! :)
Daniel Boteta

Manuel disse...

É espectacular e maravilhoso a forma como é descrito tudo o que estão a viver. Tou a adorar ler o diário de campanha, k através da imaginação, faz parecer k eu estou na viagem ao vosso lado. Espero k continuem a escrever para eu acompanhar as vossas incriveis histórias!
Bjs para a Irina e para a Inês
Murteira!!

Manuel Cabrita

Inês Santos disse...

Olá meninas!
Estive a ler os vossos relatos e a ver as fantásticas fotos que tem posto aqui no blog e deixem que vos diga, estou muito feliz por vocês!
Só pela forma como têm descrito a vossa aventura, faz com que por momentos a Antárctida esteja mesmo aqui ao lado do Pinhal Novo... Quase que sinto o vento que vocês sentem e quase que consigo ver os pinguins! :P
Espero que estejam bem, que continuem a divertir-se e que façam uma óptima viagem de volta pra casa!
(Tragam um bocadinho pequenino da Antárctida no bolso pra nos mostrarem!! :D)

Beijos pra todos em especial pra vocês, Irina e Inês.

BOM ANO!!

Inês Santos (ATA)

Pedro disse...

Olá sou o prof Pedro da ESPN e tenho estado a acompanhar a vossa viagem.

Estou a adorar os relatos e a tentar sentir através das vossas palavras o que é estar ai.

Continuem a dár-nos a informação bjs para vcs

Élia Martins disse...

Já não consigo passar sem ir ver o vosso diário para acompanhar as vossas aventuras..... cada vez mais entusiasmantes. Estou a adorar. Continuem a divertir-se e a aprender.
Bjs
Profª Élia

m luz disse...

Tenho estado a seguir a viagem através dos v/relatos e videos e estou completamente extasiada...s/palavras..., por isso p/vós deve ser kase indescritivel!P.f.aproveitem cada minuto, cada segundo da viagem, por nós, por vós, por tudo o k podem aprender e transformar a v/vida!Obg pelos v/comentários k (kase...)nos transportam até aí convosco!
M.Luz Santos-Pinhal Novo

Maria Eugénia Cabrita disse...

Olá Inês e Irina,
Hoje fui passear à Antárctida. Fui a bordo das vossas descrições, dos vídeos que já estão disponíveis e do entusiasmo que transborda dos vossos sorrisos e das vossas palavras. Obrigada pela boleia.Quero continuar a viagem.
Dois grande abraços.
Marai Eugénia Cabrita
Escola Secundária de Pinhal Novo